Este blogue tem conteúdo adulto. Quem quiser continuar é risco próprio; quem não quiser ler as parvoíces que aqui estão patentes, só tem uma solução.

quarta-feira, 21 de março de 2018

Ribatejano que se preze...

... compõe a sua horta.

Finalmente a hortelã apresenta-se verde e viçosa, as cepas já têm os primeiros rebentos, começam a aparecer as flores ao limoeiro.

Hoje foi altura de plantar as primeiras mudas.

1300 couves de diversas espécies
1100 alfaces roxas
200 tomateiros chucha
200 pés de courgette


E para não me chamarem de mentiroso, todas as quantidades devem ser divididas por 100, já que o minha quinta não conta com mais de 12 metros quadrados.



2 comentários:

SILO LÍRICO - Poemas, Contos, Crônicas e Outras disse...

Gostei do ribatejano
Que aproveita a primavera
E mais não fica à espera!
Planta o cultivo do ano

E colherá sem engano
Em toneladas ou tera
Já que muito ele dera
No seu plantio soberano

Mil dividido por cem
Parece imenso também
Com a colheita a caminho.

Brindemos pelo que vem
Erguemos a taça a quem
É, pois, chegado ao bom vinho.

Grande abraço, amigão! Laerte.




Ribatejano disse...

Laerte

Finalmente alguém que me responde à letra. kkkk